Facebook
Twitter
Youtube
Flickr

Notícias

Município de Itajaí alerta sobre aumento de casos de dengue

Bairros mais afetados são São Judas, São Vicente e Fazenda
Data de inclusão: 29/04/2021 10:59

Itajaí registrou um aumento de casos de dengue nos últimos dias. A cidade contabiliza 79 casos positivos da doença, sendo 62 autóctones, ou seja, com transmissão dentro do município. Além dos casos confirmados, até o momento foram detectados 749 focos positivos. A Prefeitura vem tomando medidas preventivas, porém os dados acendem um alerta para que a comunidade itajaiense reforce a ações de prevenção ao mosquito Aedes aegypti.

Dos 79 casos positivos de dengue registrados, 31 foram confirmados no bairro São Judas, local mais afetado do município. São Vicente (10 casos), Fazenda (5), Cordeiros (4) e Cidade Nova (3) são os demais bairros com maior número de casos positivados. No entanto, todas as localidades são consideradas infestadas pelo mosquito Aedes aegypti.

“A Secretaria de Saúde está adotando todas as medidas possíveis para conter o avanço dos casos. Estamos realizando um mutirão de limpeza, mais uma vez, no Município de Itajaí. Esta ação é conjunta entre Secretaria da Saúde e Secretaria de Obras. Além disso, os agentes de endemia estão nas ruas, orientando e intensificando as atividades. Porém, é preciso que a população faça sua parte, eliminando locais com água parada", destaca Lúcio Vieira, coordenador do Programa de Controle da Dengue. "Estamos num momento complicado de pandemia, mas não podemos esquecer da dengue, que também pode afastar a pessoa do trabalho e até levar à morte", completa Vieira.

Além do mutirão de limpeza, que atualmente está no bairro São Vicente, o Município segue reforçando as orientações nas casas por meio dos agentes de combate a endemias. A Secretaria de Saúde ainda realiza aplicação de inseticida UBV para frear a proliferação do mosquito em locais com casos positivos e solicitou apoio do Governo do Estado para realizar uma aplicação de inseticida em uma área maior da cidade.

Confira as orientações para evitar a reprodução do Aedes aegypti:

• Evitar usar pratos nos vasos de plantas. Se utilizar, colocar areia até a borda;
• Guardar garrafas com o gargalo virado para baixo;
• Deixar lixeiras tampadas;
• Deixar os depósitos para guardar água sempre vedados, sem qualquer abertura, principalmente as caixas d’água;
• Tratar a água da piscina com cloro e limpe-la uma vez por semana;
• Manter ralos fechados e desentupidos;
• Lavar com escova os potes de comida e de água dos animais no mínimo uma vez por semana;
• Retirar a água acumulada em lajes;
• Dar descarga no mínimo uma vez por semana em banheiros pouco usados;
• Manter fechada a tampa do vaso sanitário;
• Evitar o acúmulo de entulho, pois ele pode se tornar local de foco do mosquito da dengue.

Denuncie a existência de possíveis criadouros de Aedes aegypti para a Secretaria Municipal de Saúde pelo telefone (47) 3249-5573. 

Imagens relacionadas

Município de Itajaí alerta sobre aumento de casos de dengue
Município de Itajaí alerta sobre aumento de casos de dengue
Facebook
Twitter
Youtube
Flickr
Todos os direitos reservados © 2021 - Município de Itajaí