Facebook
Twitter
Youtube
Flickr
20,72 ° C

Notícias

Município de Itajaí realiza atividades em alusão à Luta Antimanicomial

Durante a semana haverá ações de conscientização, palestras e caminhada para marcar a data
Data de inclusão: 16/05/2018 14:21

Em alusão ao Dia Nacional da Luta Antimanicomial, celebrado nesta sexta-feira (18), a Secretaria de Saúde de Itajaí promove atividades para relembrar a importância do tratamento de saúde mental em liberdade. Durante toda a semana, os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) do município promovem rodas de conversa, palestras em escolas, sessões de filmes com usuários do serviço, caminhada, entre outras ações para conscientizar a comunidade sobre o tema.

> Leia mais notícias sobre Saúde

Nesta quarta-feira (16), o Centro de Atenção Psicossocial Adulto (CAPS II) promove uma sessão de cinema com o filme Nise – O coração da loucura. Na quinta-feira, a unidade realiza sua tradicional feijoada para usuários e familiares. Já o CAPS Infantil realiza duas palestras na Escola Raul Bayer Laus, na localidade do Santa Regina, sobre a luta antimanicomial e outros assuntos, como depressão, ansiedade, uso de drogas e o funcionamento do CAPS i.

O CAPS AD (Crack, Álcool e outras drogas) também está trabalhando o tema com os usuários durante toda a semana em grupos e oficinas terapêuticas. Os pacientes irão confeccionar cartazes e pinturas em alusão à luta antimanicomial e, na quinta-feira (17), participam de uma sessão de cinema na Biblioteca Municipal, às 9h, com o filme “O Bicho de Sete Cabeças”. A atividade encerra com uma roda de conversa.

Tratamento em liberdade

“Anualmente realizamos várias atividades para lembrar a data e reforçar que não queremos a volta do modelo de tratamento que existia na década de 1980, que eram as internações em manicômios. A instituição da Rede de Atenção Psicossocial, a criação dos Centros de Atenção Psicossocial e o cuidado em liberdade representam um ganho muito grande no tratamento de pessoas com sofrimento ou transtorno mental ou com necessidades decorrentes do uso de crack, álcool e outras drogas”, afirma a coordenadora da Saúde Mental do município, Carla Hütner.

Além dos CAPS, a Rede de Atenção Psicossocial do município está estruturada para oferecer atendimento aos usuários por meio das unidades básicas de saúde (Atenção Básica), unidades de pronto atendimento e hospitais.

Caminhada no Dia da Luta Antimanicomial

Na sexta-feira (18), quando é celebrado o Dia Nacional da Luta Antimanicomial, está programada uma caminhada com profissionais, usuários e familiares a partir das 9h. A saída será em frente ao CAPS II, localizado na rua Silva, 628, no Centro. Os participantes caminharão até a Igreja Matriz, onde profissionais de saúde vão orientar a população sobre os serviços de Saúde Mental do município, a importância da Luta Antimanicomial e do cuidado em liberdade.

À tarde, a partir das 14h, ocorre o encontro “Diálogos sobre a Luta Antimanicomial”, que será conduzido pela mediadora Gabrielle Wendeel dos Santos. O evento será no auditório da Prefeitura de Itajaí.

30 anos de luta

Nesta sexta-feira (18), a Luta Antimanicomial completa 30 anos. Durante muitos anos os direitos das pessoas com transtornos mentais foram negligenciados. Os ditos “loucos” eram internados em manicômios e hospitais psiquiátricos, sendo submetidos a torturas físicas e psicológicas.

A partir da Reforma Psiquiátrica, iniciada no final da década de 70, que questionava a forma de cuidado e também a qualidade dos atendimentos ofertados a pessoas com sofrimento ou transtorno mental, ocorreram mudanças significativas na efetividade do tratamento.

Sob o impulso da reforma, foi realizado no dia 18 de maio de 1987 um encontro de grupos favoráveis a políticas antimanicomiais. Pela relevância desse encontro, a data se tornou o Dia de Luta Antimanicomial. Na sua origem, esse movimento está ligado à Reforma Sanitária Brasileira, da qual resultou a criação do Sistema Único de Saúde (SUS).

Depois de muitas discussões, reformulações e lutas, foi decretada a Lei 10.216, de 2001 (Lei Paulo Delgado), que dispõe sobre a proteção e os direitos das pessoas com transtornos mentais e redireciona o modelo assistencial em saúde mental. Prioriza-se agora o cuidado dessas pessoas num espaço comunitário de portas abertas, primando pela liberdade e cidadania, visando garantir a livre circulação das pessoas pelos serviços, pela comunidade e município.

_________________________
Informações adicionais:
Secretaria de Saúde de Itajaí
(47) 3249-5500 

Imagens relacionadas

Município de Itajaí realiza atividades em alusão à Luta Antimanicomial
Município de Itajaí realiza atividades em alusão à Luta Antimanicomial
Município de Itajaí realiza atividades em alusão à Luta Antimanicomial
Município de Itajaí realiza atividades em alusão à Luta Antimanicomial
Município de Itajaí realiza atividades em alusão à Luta Antimanicomial
Município de Itajaí realiza atividades em alusão à Luta Antimanicomial
Facebook
Twitter
Youtube
Flickr
Rua Alberto Werner, 100
Bairro: Vila Operária
Itajaí (SC)
CEP: 88304-900
(47) 3341 6000
08h às 18h de segunda a sexta-feira
08h ao meio-dia e das 14h às 18h de segunda a sexta-feira
Todos os direitos reservados © 2018 - Município de Itajaí